Comunicado do Movimento Cívico Não Apaguem a Memória!

Sobre a placa evocativa das últimas vítimas da ex-PIDE/DGS no edifício onde se situava a sua sede, na Rua António Maria Cardoso, em Lisboa.

Lisboa, 7 de Janeiro de 2010

Em conversa havida hoje, por telefone, com o Dr. Fernando Gomes do GEF – Gestão de Investimentos Imobiliários, reiteramos a  posição da direcção do Movimento Cívico Não Apaguem a Memória! de que a placa evocativa das últimas vítimas da ex-PIDE/DGS deveria voltar a ser afixada no mesmo lugar de onde fora retirada antes do início das obras.

O  Dr. Fernando Gomes disse compreender a posição do NAM, mas que não podiam ser obrigados a pôr a placa onde entendêssemos e que se fosse colocada num local visível em nada estariam a desrespeitar a memória, indo nesse sentido, aliás – afirmou – muitos dos mails que o GEF (gef@gef.pt) tinha  recebido.

Solicitou, por fim, que a posição do NAM lhe fosse transmitida por escrito, após o que dariam uma resposta.

Pel’A Direcção do NAM

Raimundo Narciso

Anúncios