A propósito do 130º aniversário do seu nascimento, defensores dos direitos humanos na Rússia exijam que os crimes de Estaline sejam valorizados. A ler, um artigo em Público.es.

Advertisements