Cemitério de Badajoz - Guerra Civil

Esta Associação enviou-nos um conjunto de documentos relacionados com iniciativas que têm como objectivo evitar a construção de um muro à volta do cemitério de San Juan em Badajoz, onde foram fuziladas centenas de pessoas pelas tropas franquistas, a partir de 14 de Agosto de 1936. Esse muro destinar-se-ia a ocultar aquele importante lugar de memória e transformaria totalmente a sua imagem exterior.

No passado mês de Dezembro, a Comissão de Urbanismo da região aprovou um estudo de viabilidade, apresentado por vários construtores que pretendem construir 1.058 habitações, em blocos de seis andares, à volta do cemitério. 

(Dado o interesse dos documentos em questão, e porque os mesmos ainda não se encontram totalmente disponíveis no site da Associação da Memória Histórica da Extremadura, colocámo-los online.)

 
P.S.– Neste caso, o cemitério será apesar de tudo preservado, sem se tornar zona privilegiada do condomínio agora em projecto. Sei que devem ser respeitadas todas as proporções, que não houve fuzilamentos em massa na António Maria Cardoso, nem nada que se parecesse com a Guerra Civil, em Portugal. Mas, por cá, apaga-se pura e simplesmente a história e as histórias. Voltarei muito em breve a este tema.

Anúncios