alcobacaSegundo o Público de hoje, está agora aberta a hipótese de vir a ser instalado um hotel de charme no Mosteiro de Alcobaça, projecto do qual se fala já há alguns anos.

Se, neste caso, não está em causa a Resistência ao Estado Novo, o facto não deixa de ser chocante para quem é sensível à preservação do património:

«Perplexos é como antigos responsáveis e estudiosos do património cultural se proclamam face à “mudança drástica” que, segundo eles, derivará do novo regime proposto pelo Governo para os bens que integram a “memória colectiva”. Dizem que poderá abrir as portas a uma “alienação do património cultural só comparável ao processo de desamortização, nacionalização e venda dos bens da Coroa e da Igreja, ocorrido na primeira metade do século XIX”.»

 
P.S. – O texto integral do Proposta de Lei que, aparentemente, abre caminho a uma alienação mais fácil de bens públicos, e que foi entretanto referido por város comentadores e pelo deputado Fernando Rosas na AR, pode ser lido aqui.

Anúncios