O vídeo dura 10:15 e relata em pormenor os acontecimentos mais dramáticos da história dos Jogos Olímpicos. 

No dia 5 de Setembro de 1972, um comando palestiniano tomou como reféns membros da delegação israelita. Acabaram por morrer onze atletas, cinco dos sequestradores, um polícia alemão e um piloto.

 
Depois disso:

1976 Montréal – Boicote de vários países africanos como protesto contra a presença da Nova Zelândia, por esta ter disputado um desafio de rugby com a África do Sul, alguns meses antes (quando estava impedida de o fazer devido ao apartheid).

1980 Moscovo – Boicote dos Estado Unidos (seguido por 60 países) como protesto contra a intervenção soviética no Afeganistão.

1984 Los Angeles – Países do bloco soviético (excepto Roménia) e Cuba retribuem o boicote de 1980.

1988 Seul – Boicote de Coreia do Norte, Cuba, Etiópia e Nicarágua.

1992 Barcelona – Devido à guerra com a Croácia e a Bósnia-Herzegovina, a Jugoslávia não é autorizada a participar como país, mas os seus cidadãos são admitidos título individual.

(Publicado também em Entre as brumas da memória.)

Anúncios