«De facto, os Caminhos da Memória são uma pérola e com eles já me deixou em pulgas: é que ali há pano para mangas para trabalho de projecto! Acho que vou pôr os miúdos a trabalharem os testemunhos.»

(Excerto de um mail enviado à Maria João M. Pires pela professora de História da filha.) 

Houve, entretanto, troca adicional de correspondência com a professora em questão e está planeada uma visita ao Forte de Peniche, com a participação de pessoas ligadas a este blogue.

É também para iniciativas como esta que por aqui vamos caminhando.

Anúncios